Caiman
Home
Puma_cub


Semana passada fizemos o melhor safari de nossas vidas. Nunca poderíamos imaginar que em apenas uma noite veríamos e aprenderíamos tantas coisas.

Saímos às 10:30 da noite em busca da Esperança e pelo caminho encontramos uma onça parda com um filhote de mais ou menos 4 meses… Ficamos com eles por volta de 15, 20 minutos… A mãe um pouco arisca, mas acredito que sentindo que não apresentávamos perigo, devido ao modo e cuidado com o qual nos aproximamos, não fez nenhum esforço em tirar o filhote do local. O filhote ficou a mais ou menos 35 m de nosso carro por um bom tempo.

Filhote da onça-parda.

Seguimos em busca da Esperança e depois de mais uns 30 min driblando as poças e alagados, devido a época do ano, nos deparamos com ela. Ela estava em plena vista e mais do que isso, estava acompanhada da Natureza (sua filha), da Chuva (primeira onça com a qual iniciamos o processo de habituação) e ainda da Garoa (filha da Chuva). Cenário ideal! 4 das onças fêmeas mais habituadas da Caiman num mesmo local.

Esperança e Chuva com seus filhotes

Permanecemos com elas por mais de 2h… Durante esse tempo vimos muita interação entre os dois filhotes e também entre as mães e as oncinhas… Em um determinado momento houve uma breve briga entre a Chuva e a Esperança mas continuaram as 4 lá no mesmo local… Dizem que onças são solitárias… o que estariam elas fazendo todas juntas? Descobrimos mais tarde que ali também havia uma carcaça na qual elas se revezavam a comer…. Por volta das 2h da manhã decidimos deixá-las e voltar ao amanhecer do dia.

Às 5 da manha voltamos ao mesmo local e novamente , com o sol nascendo, encontramos a Esperança andando em direção a um açude. Continuamos na busca das outras onças… Pouco depois encontramos os dois filhotes andando juntos na direção oposta a da Esperança!

Os filhotes: Garoa e Natureza.

Muitas coisas a serem analisadas e comportamentos a serem descobertos. Por que os dois filhotes, de mães diferentes, estavam andando juntos? Eles, apesar de tão novos (cerca de um ano / um ano e dois meses) já estão se separando das mães? Qual o grau de parentesco entre essas onças? Será que a Chuva e a Esperança são irmãs? Os filhotes primos? Primos onças andam juntos?

Bom, muitas coisas a aprender, descobrir e conceitos a mudar… Com esse Projeto aprendemos novos comportamentos de onças a cada dia que passa…

Uma noite fantástica que jamais será esquecida.

Autor: Mário Haberfeld (Projeto Onçafari)

6-Logo-Caiman


Hóspedes da Caiman em encontro com a onça-pintada.

Um dia incrível descreve muito pouco a experiência dos hóspedes da Caiman durante essa semana. Ao saírem para um Safari fotográfico, encontram a onça-pintada à beira de um açude. E como se fosse pouco, o filhote já grande entra em cena para a surpresa de todos.

Tão acostumados com os veículos, graças ao Programa de Habituação da Caiman e do Projeto Onçafari, os animais adormecem ao lado do carro. Confira a foto baixo que mostra o filhote mamando, uma evidência fenomenal de como todo o trabalho do projeto é feito com muita responsabilidade e respeito à natureza. E logo depois o filhote adormece.

Filhote mamando.

Filhote dormindo.

Além da tranquilidade do filhote, podemos ver como a mãe estava à vontade com nossa presença ali. Ela passou a brincar e rolar na areia à beira do açude. Logo em seguida adormece calmamente. Momento esse que seguimos nosso caminho, deixando-os ali no mesmo local onde os encontramos. Sem importunar a vida selvagem. Venha para o Refúgio Ecológico Caiman e tenha as melhores experiências em vida selvagem do Brasil. Conheça a onça-pintada da Caiman.

Autor: Helder Brandão (Gestor Ambiental)

Esperanca


“Hoje tivemos um dos melhores avistamentos de nossas vidas…”, diz Mário Haberfeld, o idealizador do Projeto Onçafari.

A Esperança, uma onça-pintada fêmea que ganhou esse nome após ter sido o mais votado em um concurso no facebook, foi avistada pelo Projeto Onçafari em um dos momentos mais gratificantes para a equipe.

A tranquila Esperança. Uma onça-pintada em processo de habituação.

Em uma das áreas de estudo do projeto, a equipe do projeto estava a procura de uma das fêmeas mais promissoras à habituação. Percorrendo uma das trilhas, a equipe continuava na direção certa procurando as pegadas e vestígios da presença do animal.

A expectativa foi aumentando, mas ninguém conseguia vê-la. A equipe começou a manobrar para tentar outro caminho e de repente alguém olhou pra cima… Lá estava ela!!! Muito tranquila em cima de uma árvore. Todo o tempo de procura pela mata e a onça-pintada estava observando a equipe do projeto do alto da floresta.

Após muitas fotos e a continuação do programa de habituação, a onça foi deixada sozinha. Interessante notar que estão se abrindo novas “janelas” para se ver a vida das onças. Temos o potencial de descobrir várias novidades sobre seu comportamento natural. Foi muito importante demonstrar que apenas 2 dias após a captura, ela continua extremamente relaxada quanto a presença de veículos do projeto.

Na noite seguinte outro sucesso, o filhote da Esperança foi avistado. Com muito mais cautela, a equipe permaneceu poucos minutos e a uma longa distância. Assim que é a habituação bem feita, respeitando-se o animal. Assim é o Projeto Onçafari e o Refúgio Ecológico Caiman.

Autor: Helder Brandão (Gestor Ambiental)

Créditos da Foto: Adriano Gambarini

Caiman
POUSADA CAIMAN – Pantanal
Estância Caiman, S/N
Zona Rural – Miranda - MS - CEP: 79380-000
Telefone/Fax: +55 67 3242-1450
CENTRAL DE RESERVAS – São Paulo
Telefone: +55 11 3706-1800 | Fax: +55 11 3706-1808
Caiman
© Copyright 2016 - POUSADA CAIMAN. Todos os direitos reservados. O conteúdo deste site não pode ser reproduzido, distribuído, transmitido ou usado, exceto com a permissão prévia por escrito.
DZ - Du Zupanni
SM - Samuel Melim
SB - Sidney Bloch
TR - Thiago Rocha
ZP - Zapa
Fotografia (créditos)
. Site by Miss Lily.

Caiman

Refúgio Ecológico

Acomodações

Reservas

Pantanal
Caiman Refúgio Ecológico
Caiman Refúgio Ecológico Caiman