Caiman
Home
Flor-1


Piúva: Árvore símbolo do Pantanal

Em agosto o Pantanal seca bem, a poeira levanta, muitas árvores perdem as folhas, a paisagem ganha tons cinza e marrom e o ambiente fica seco e árido. Essa descrição parece dura e hostil, mas durante uma semana a natureza nos surpreende de repente.

Em meio aos galhos secos e ao sol escaldante, uma cintilante coloração rosa aparece. É a Piúva, árvore símbolo do Pantanal, florescendo para o deleite da comunidade pantaneira.

Hóspedes da Pousada Caiman que estiveram na fazenda em agosto tiveram a oportunidade de apreciar essa manifestação da natureza.

E o prazer de ver essas lindas flores é efêmero, pois elas caem em apenas 7 dias. É o Pantanal novamente nos mostrando como devemos apreciar intensamente a natureza durante a semana rosa.

As flores em detalhes.

Autor: Helder Brandão (Gestor Ambiental)

Logo


Logo do Certificado.

O Refúgio Ecológico Caiman cada vez mais se firma como um destino de desenvolvimento sustentável, sendo agora contemplado com um certificado internacional. Chamado de Long Run Destination – Global Ecosphere Retreats® Certificate, essa certificação demonstra que a Caiman evoluiu de um comprometimento com a sustentabilidade para uma efetiva demonstração que os recursos são gerenciados sustentavelmente.

A certificação faz parte do programa mundial da Zeitz Foundation (http://www.zeitzfoundation.org/) e representa o carro chefe da organização para atingir sua missão de criar e apoiar projetos sustentáveis, social e ecologicamente responsáveis e destinos pelo mundo que alcancem impacto positivo de longa duração e sustentabilidade através do equilíbrio holístico entre Conservação, Comunidade, Cultura e Comércio (os chamados 4C’s).

Logo da Fundação Zeitz.

O Refúgio Ecológico Caiman passou por diversas etapas de avaliações, preenchendo formulários, desenvolvendo relatórios, enviando documentos e há alguns meses recebeu um grupo técnico de avaliação. A equipe Caiman detalhou como a gestão ambiental é importante para a empresa e como está intimamente ligada à comunidade local, à responsabilidade social, ao respeito à cultura pantaneira e à viabilidade das diferentes atividades de pecuária, ecoturismo e projetos de conservação.

Veja o Certificado de Sustentabilidade da Caiman:

Caiman LRD_GER_Certificate

Todo o processo foi rigoroso nas avaliações e auditorias anuais serão realizadas para a continuidade da qualidade da certificação. Mais um grande sucesso da Caiman e de sua equipe, de espírito inovador e empreendedor sem perder o equilíbrio com o meio ambiente e rumo à sustentabilidade.

Autor: Helder (gestor ambiental)

Para conhecer mais, visite www.zeitzfoundation.org e www.thelongrun.com ou conecte-se com a Zeitz Foundation no Twitter (@ZeitzFoundation) e no Facebook (Zeitz Foundation) e leia The Long Run Charter.

Coruja-Orelhuda


Ao anoitecer, um som nunca ouvido antes pelas lindas matas da reserva chama nossa atenção.

Coruja-orelhuda: nova espécie para a RPPN Dona Aracy.

Uma ótima notícia nos alegrou no mês de dezembro de 2010, pois, ao conversar com um biólogo do Projeto Arara-azul, percebemos que a RPPN Dona Aracy havia sido contemplada com mais uma espécie de ave para sua extensa lista.

Ao caminhar pelas imediações da RPPN, Douglas, biólogo da equipe do Projeto Arara-azul, ouviu um som diferente do que está acostumado a ouvir ao anoitecer. O som era grave, bonito e incomum naquela área. Ele seguiu o som e se surpreendeu com a coruja-orelhuda (Rhinoptynx clamator), uma ave de rapina que possui uma das audições mais bem desenvolvidas entre as corujas. É uma espécie de médio porte, possuindo de 30 a 38 cm de comprimento e podendo atingir um peso até de 550 gramas.

Alimenta-se de pequenos mamíferos como roedores e morcegos, mas também caça aves e grandes insetos. Essas corujas constroem ninhos no solo ou em ocos de árvores, fazendo uma postura de 2 a 4 ovos, que ficam sob os cuidados da fêmea que é alimentada pelo macho. Os ovos eclodem 30 dias após o início da incubação e, após a eclosão, os pais se alternam nos cuidados com os filhotes.

Esta espécie ocorre em alguns países, como a Venezuela, a Bolívia, o Paraguai, a Argentina, o Uruguai e em todo Brasil exceto na floresta amazônica. A nova espécie de coruja nunca tinha sido vista no Refúgio Ecológico Caiman e animou a equipe de guias da pousada e da RPPN Dona Aracy.

Caiman
POUSADA CAIMAN – Pantanal Estância Caiman, S/N
Zona Rural – Miranda - MS - CEP: 79380-000
Telefone/Fax: +55 67 3242-1450
CENTRAL DE RESERVAS – São Paulo
Telefone: +55 11 3706-1800 | Fax: +55 11 3706-1808
Caiman
© Copyright 2016 - REFÚGIO ECOLÓGICO CAIMAN. Todos os direitos reservados. O conteúdo deste site não pode ser reproduzido, distribuído, transmitido ou usado, exceto com a permissão prévia por escrito.
DZ - Du Zupanni
SM - Samuel Melim
SB - Sidney Bloch
TR - Thiago Rocha
ZP - Zapa
Fotografia (créditos)
. Site by Miss Lily.

Caiman

Refúgio Ecológico

Acomodações

Reservas

Pantanal
Caiman Refúgio Ecológico
Caiman Refúgio Ecológico Caiman